sábado, 19 de fevereiro de 2011

COVARDE!


Covarde fui eu,
quando encantada me permiti,
na vez primeira que te vi, 
responder aos teus apelos


Covarde sou eu,
quando ignoro
o soluço de minh'alma
interrogando você

Covarde sou eu,
que aceito esse amor selvagem
que  amansa meus desejos,
mas acaba com minha mais valia


Covarde sou eu,
que te procuro, te quero e te preciso,
para acalmar esta doença
que me queima inteira ...

Covarde, continuo eu
querendo me livrar desta prisão...
Julgando ser você o carcereiro...
mas tendo as chaves em minhas mãos.

Maria Emilia Xavier





19 comentários:

Leonel disse...

Lindos versos, Emília, escritos ao pé deste fogo.
Pena que está tão quente.
Gostaria de rever esta página no inverno, na serra.
Mas, qualquer clima serve para a poesia...
Abraços!

Graça Pereira disse...

Querida

Quando somos carcereiros de nós próprios...é difícil ver e sentir o fogo que nos consome.
Quente e lindo este teu poema.
Beijocas
Graça

Chica disse...

Lindo e fortes versos. As chaves estão na mão...Mas parece difícil usá-las pra trancar definitivamente a porta... beijos,chica

pensandoemfamilia disse...

Muito lindo seus versos e nos falam da dificuldade que temos de nos libertar.
bjs
Bom domingo
Obrigada pelas suas visitas e comentários tão estimulantes.

Andre Mansim disse...

Emilia, mais um belo texto amiga! Parabens, vc tem muita sensibilidade!!!

Gilson Faustino Maia disse...

Maria Emília, um texto para ninguém botar defeito. Uma verdadeira obra prima. Um pouco voltado para uma espécie de revolta sem, entretanto, haver necessidade de incendiar o mundo. Parabéns, meu abraço.

Shirley disse...

Quer,pode, mas não deve...Lindo e profundo poema. Muito nas entrelinhas. Maria Emília, um beijo querida.

Cacá - José Cláudio disse...

Que atire a primeira pedra quem não se deixou acovardar por um amor de cativeiro. Ficou lindo demais, minha doce amiga!

PS: OBRIGADO pelo seu carinho e solidairiedade indispensáveis. Meu irmão deve deixar esta semana o hospital em franca recuperação. O rim que ficou esta competente na função de dois. Agora é encarar uma quimioterapia para ver se o mal é extirpado de vez. Um abraço carinhoso, ótima semana. Paz e bem.

Anne Lieri disse...

Emilia,que poetisa espetacular vc é!Ficou linda essa covardia!...rsss...profundo e belo poema!Bjs e boa semana!

José Sousa disse...

Olá Covarde Maria! rsrsrs. Estou a brincar. Linda a sua poesia, pois mesmo querendo se livrar e deixar de ser cobarde, ~tem as chaves e não vai permitir se livrar. Linda!

Um beijão

ARAS disse...

Maria Emília:
quero primeiro te parabenizar pelo poema "tão COVARDE" que escreveu. Vc escreve e passa-nos a mensagem de forma sublime.
Depois te agradecer pela visita ao ALONE e pelo comentário. Realmente, aquele FADO em especial e a DULCE, que o cantou, é algo que "nos" toca particularmente. Sentimos a "nossa" terra, a nossa gente, onde quer que estejamos no Mundo!
Abração e continuação de uma boa, excelente Semana.
A.Rui as alone

Marli Borges disse...

Olá Emília!
Um poema lindo, uma covardia!!!
Ah, as nossas prisões interiores... mas o bom acontece quando percebemos onde estão as chaves, não é mesmo?
Bjssssssss

Eduardo Medeiros disse...

maria, tudo bem?

muito bom seu poema! temos a chave nas mãos mas cadê a coragem?? ou ainda, queremos mesmo ter coragem para tal? quantas reflexões você sugere...

beijos. o eduardinho também manda beijinhos rss

ஐﻬMara Bomboﻬஐ disse...

Querida amiga, obrigada pelos carinhos que você distribui pelos nossos blogs, suas palavras são incentivos para que continuemos na caminhada de mãos dadas, amiga como você é raridade, é diamante valioso que guardo pessoalmente no meu coração.
bjs
Mara Bombo

Amapola disse...

Nossa... Que lindo poema!!
Quem já viveu uma paixão, acho que sempre terá a sensação de ter sido covarde em vários momentos.

Um grande abraço, querida amiga Maria.

Muito obrigada pela honra da sua visita, e pelo comentário gentil e carinhoso.

RECANTO DOS AUTORES disse...

Emilia,passei para reler essa bela poesia e agradecer sua visita,sempre tão carinhosa!Bjs,

Nuvembranca disse...

Amor bandido hein??!! Mas que lindo amor avassalador!!!!!!! Parabéns Maria. Tenha uma linda quarta feira.

JGCosta disse...

Amiga, é assim mesmo, algumas vezes somos prisioneiros de nós mesmos!

Abraços renovados e parabéns pela inspiração!

Anônimo disse...

hiya and welcome marimilaxavier.blogspot.com blogger discovered your site via search engine but it was hard to find and I see you could have more visitors because there are not so many comments yet. I have found website which offer to dramatically increase traffic to your blog http://mass-backlinks.com they claim they managed to get close to 4000 visitors/day using their services you could also get lot more targeted traffic from search engines as you have now. I used their services and got significantly more visitors to my site. Hope this helps :) They offer most cost effective services to increase website traffic at this website http://mass-backlinks.com