segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Saudades - 2

                                                 




                                                  

                                                



                                                    Andei por dentro de mim
                                                  e por todos os cantos
                                                  sua presença era viva.
                                                  Em cada centímetro de mim
                                                  era uma palavra... uma graça...
                                                  um conselho que eu encontrava.
                                                  Resolvi fazer uma faxina,
                                                  nunca me quiseste
                                                  porque continuar a querê-lo, amigo?
                                                  Recolhi todos os retalhos e pedaços
                                                  dessa amizade linda
                                                  e atirei-os pela janela.
                                                  Passei a limpo minha vida
                                                  em um novo caderno.
                                                  Encomendei ao destino
                                                  um novo sentimento
                                                  para os espaços vazios;
                                                  e ele não se furtou
                                                  rápido preencheu todos os espaços
                                                  com um novo sentimento...
                                                                     
                                                                             Saudade.


                                                                 Maria Emilia Xavier

3 comentários:

✿ chica disse...

E a saudade é algo que ocupa espaço mesmo...LINDA poesia!beijos,ótima semana,chica

Andre Mansim disse...

Puxa Milaxxx que legal esse poema! Parabens, acho que foi o melhor que já lí aqui!
Essa faxina dentro da gente tem mesmo que ser feita de tempos em tempos... O acúmulo de lembranças complica as relações atuais, parabens!

Cacá - José Cláudio disse...

"Saudade é quando o momento tenta fugir da lembrança pra acontecer de novo e não consegue."

Maria Emília, OBRIGADO pelas manifestações de carinho e solidariedade. Um grande abraço, paz e bem.