sábado, 29 de maio de 2010

FRANCISCO MACEDO - CANTANDO EM TROVA O AMOR PAIXÃO


Como num sonho, a viagem,
pelo teu corpo desnudo,
eu fiz, sem pagar passagem,
e desfrutando de tudo.


Meu olhar ficou defronte,
ao seu olhar, de repente...
E este encontro se fez ponte
entre os corações da gente!

Muito mal desperta o dia
e eu aqui já estou desperto:
Noite de amor e poesia...
Não fui ao céu, mas, fui perto!

                                    Neste emadrugadecer,
no aconchego do teu braço,
me deixei adormecer.
- Vencido pelo cansaço!...


                                                                  Francisco Macedo
                                                                                Natal/RN










2 comentários:

maria olimpia alves de melo disse...

Uma sessão de trovas de muito bom gosto.

gorettiguerreira disse...

Maravilhoso adormecer poeta!
Lindo!
Bjs da Goretti